Antes de mais nada, muitas desculpas para os leitores da Coluna. Afinal, há quase um mês e meio não aparece nada novo por aqui. Mas na medida do possível, vou tentar me redimir.

Reabrindo a nova temporada de transmissões desta “emissora”, escolhi “21st. Century Girl”, a nova música de Willow (a filha do Will Smith). A canção serve como segundo single do álbum de estreia da jovem garota, que ainda não possui previsão de lançamento e nem nome definido.

Enquanto o single anterior, “Whip My Hair”, trazia um som mais urbano, mais voltado para o R&B, “21st Century Girl” é uma investida no dance-pop. Com uma letra repleta de autoafirmações e de rebeldias juvenis, Willow se declara como um exemplo de menina moderna do século 21. O refrão é daqueles que você guarda na cabeça logo após a primeira execução.

Nas paradas musicais, “21st. Century Girl” não obteve o mesmo sucesso de “Whip My Hair”. A posição máxima que o single conseguiu na Billboard Hot 100 foi justamente a de número 99. Na semana seguinte, já caiu fora da parada. No Reino Unido, a faixa chegou à 91ª posição, e na Irlanda foi um pouco mais longe, atingindo a posição 36.

É uma grande pena que o single não tenha vendido tanto, pois para mim “21st. Century Girl” tinha um potencial de rádio mais forte que “Whip My Hair”. Com a baixa performance da música, há grandes chances de se atrasar ainda mais o lançamento do disco de Willow. Vamos aguardar pra ver.

Anúncios