Britney Spears


Neste mês de abril, chegou às rádios o mais novo single de Britney Spears. “Till The World Ends” é a segunda música de trabalho do álbum Femme Fatale, sétimo álbum de Spears que chegou às lojas entre março e abril de 2011.

Assim como o o predecessor “Hold It Against Me”, a nova canção de Spears continua explorando o lado dance-pop, com muitas batidas e vocais extremamente tratados, com direito a muito auto-tuning. Entre os compositores da música estão Max Martin, Dr. Luke e… Ke$ha. Sim, ela mesma! Vale lembrar que antes de investir na carreira de cantora, Ke$ha trabalhava como compositora.

E já que Ke$ha ajudou a escrever a música, vamos deixar que ela explique o conteúdo de “Till The World Ends”:

“Eu imaginei Britney e outras cantoras viajando, fazendo turnê por todo o mundo. Sabe, quando você sai por aí e consegue ter uma incrível e mágica noite, e você simplesmente não quer dormir, e quer que tudo dure até que o mundo acabe”.

Britney também expressou sua opinião sobre a canção:

“Ela é divertida. Gosto dela. Tem bastante energia positiva. Sou uma pessoa de vibe, e eu gosto muito de músicas que fazem você se sentir bem. Como ela me faz sentir bem, é perfeita para mim”.

“Till The World Ends” foi enviada praticamente para as rádios do mundo inteiro. Nos EUA, alcançou a posição 8 da Billboard Hot 100. Sua performance tem sido melhor na Europa, onde aparece no Top 10 de vários países, incluindo o primeiro lugar na Polônia e o segundo na Noruega.

No Brasil, “Till The World Ends” chegou a entrar na Hot 100 Songs & Tracks, mas estava fora na última semana – possivelmente por causa do grande airplay de “Hold It Against Me”. É provável que o single volte às listas nacionais nas semanas à frente.

A natureza antêmica de “Till The World Ends” garante boa popularidade para o single. Por outro lado, não dá para evitar comparar esta canção com os trabalhos compostos e gravados por Ke$ha. Notem a melodia, a letra e os efeitos digitais nos vocais. Depois escutem “Blow”, da Ke$ha (publicado aqui na semana passada), e vejam se não são “gêmeas”.

O dia 10 de janeiro de 2011 foi muito aguardado pelos internautas fãs da cantora americana Britney Spears. Nessa data ocorreu o lançamento oficial de “Hold It Against Me” no site do apresentador Ryan Seacrest (é ele o cara que apresenta o American Idol). Houve tantos acessos à transmissão da faixa que vários servidores saíram do ar por causa da demanda.

“Hold It Against Me” é o primeiro single do sétimo disco de estúdio de Britney Spears. O álbum ainda não teve o nome divulgado e nem data de lançamento. Co-escrita pelos lucrativos dedos de Max Martin e Dr. Luke, a canção engloba vários ritmos eletrônicos, com trechos no estilo dub-step e até rave.

Como era de se esperar, o single vazou na internet antes da hora, forçando a gravadora a antecipar o lançamento de “Hold It Against Me”. Após a transmissão no site de Seacrest, a música foi colocada à venda na loja virtual iTunes. Com mais de 400 mil cópias vendidas em uma semana, “Hold It Against Me” estreou ontem diretamente na primeira posição da Billboard Hot 100. Além disso, nos EUA “Hold It Against Me” quebrou os recordes de música mais tocada do dia e mais tocada da semana, de acordo com dados oficiais das empresas de análise Mediabase e Nielsen Soundscan (são estas as empresas que fornecem os dados para a compilação das paradas da Billboard).

Britney Spears é agora a segunda artista na história da Billboard que consegue ter mais de uma música estreando direto na primeira posição na história da Billboard. Os outros singles foram “… Baby One More Time” (1999) e “3” (2009). Antes de Spears, apenas Mariah Carey havia conseguido este feito, com os singles “Fantasy” (1995), “One Sweet Day” (1995) e “Honey” (1997) aparecendo na primeira posição logo na semana de lançamento.

Ouvir: Britney Spears – Hold It Against Me